Trrocando Ideias
Você está aqui: Home » Blog » Artes » Poesia: A Propósito (Página 20)

Filtro de Categorias:

Poesia: A Propósito (Página 20)

Compartilhe no:

A partir de hoje,
todo Ser terá de relatar sua vida.
Assim, após cada morte,
nascerá um novo livro autobiográfico.

Faremos uma grande biblioteca universal.

Obras espessas de muita expressão
serão juntadas aos pequenos livretos,
lado a lado, com folhas soltas,
de indivíduos inumanos
de existências longas
e experiências vãs.

Tudo será aproveitado.
Todos os apelos serão acolhidos igualmente,

exceto aqueles que devem ser postos em relevo
porque representam a dor das grandes provações,
limitações e deficiências graves,
fontes das verdadeiras lições de humildade
e tolerância.

Material abundante
para orientar e reabilitar a consciência;
reformular a relação entre os homens
e do homem com a natureza,
depurar diferenças,
destilar amor e evoluir…

para que amanhã
possamos escrever lindas obras multicores

e sermos um grande e vibrante arco-íris.

Outras poesias “Artes”: Pergaminho (p.176), Harmonia (p.28), Rabisco (p.46), Poesia (p.47), Fotografia (p.49), Fascínio p.53), Insurgência (p.56), Tatuagem (p.71), Linguagem (p.124), Há (p.132).